Papa, futebol e Eurovisão: Portugal tem um sábado histórico

Por Giuliana Miranda

O dia 13 de maio foi de fortes emoções para os portugueses: um milhão de pessoas estiveram em Fátima para acompanhar a visita do papa Francisco; o time com a maior torcida do país, o Benfica, sagrou-se campeão nacional pela quarta vez consecutiva e um cantor luso faturou um inédito título no festival da canção da Eurovisão, o maior da Europa.

Ufa!

Em um país em que 88% da população de declara católica, a visita de um papa já é por si só especial. No entanto, a presença de Francisco na cidade-santuário de Fátima no ano em que os católicos comemoram cem anos da aparição da santa causou euforia e comoção.

Fiéis em Fátima | Foto: Paulo Duarte/Associated Press
Fiéis em Fátima | Foto: Paulo Duarte/Associated Press

Houve transmissão ao vivo de todos os passos do papa no país, e o pontífice foi recebido pelas principais autoridades, com direito a encontro com o presidente da República e o primeiro-ministro.

Mal o papa decolou de volta para o Vaticano, Portugal foi dominado pelo espírito do futebol.

O Benfica, time de Lisboa que tem a maior torcida do país, sagrou-se campeão do campeonato português pela quarta vez consecutiva. Um feito inédito para os encarnados —  o Porto já foi tetra duas vezes (94/99 e 2006/2009)  e o Sporting, uma (50/54).

Torcedores do Benfica lotam o Marquês de Pombal, em Lisboa | Foto: Facebook Sport Lisboa e Benfica
Torcedores do Benfica lotam o Marquês de Pombal, em Lisboa | Foto: Facebook Sport Lisboa e Benfica

Enquanto milhares de pessoas saíam às ruas para comemorar —a maior festa aconteceu na região do Marquês de Pombal, no centro da capital do país—, um jovem cantor português fazia história em Kiev, na Ucrânia, onde acontecia o festival da canção da Eurovisão.

O concurso, organizado pelas estações de televisão públicas da Europa (e alguns agregados de outras partes do globo), é o mais abrangente do continente.

Nele, cada competidor se apresenta com uma música representando seu país.

Em um concurso dominado por músicas-chiclete cantadas em inglês, o cantor luso Salvador Sobral, 27, acabou se destacando com uma letra inteiramente em português.

A música “Amar pelos dois”, composta por sua irmã, a também cantora Luísa Sobral, foi uma das poucas, entre as 42 na competição, que foi apresentada na língua materna do competidor, e não em inglês.

A palavra “Eurovision” ficou entre os temas mais comentados do Twitter em vários países europeus.

Várias personalidades usaram as redes sociais para manifestar suas preferências. Entre o time internacional de torcedores da música portuguesa estão a escritora britânica J.K. Rowling, que já morou em Portugal, e o cantor brasileiro Caetano Veloso.

 

Com tanta coisa acontecendo neste 13 de maio, os jornais precisaram se desdobrar para colocar tudo na primeira página.

Tem de espremer pra caber tudo na capa: futebol, papa e festival da canção | Foto: Reprodução
Tem de espremer pra caber tudo na capa: futebol, papa e festival da canção | Foto: Reprodução

****

Mais Ora Pois!

Já conhece a página do Ora Pois no Facebook? Faça uma visitinha e fique sempre por dentro das atualizações.

O blog também está no Instagram: @orapoisblog. Por lá você encontra belas imagens e muitas dicas de Portugal.