10 palavras com significados totalmente diferentes em Portugal e no Brasil

A língua pode até ser a mesma, mas há um abismo de diferenças entre o que se diz dos dois lados do Atlântico.

Para celebrar a incrível diversidade da língua portuguesa, separei aqui dez expressões que exemplificam bem as nossas diferenças.

1. Pêra

A pêra é uma fruta abundante em Portugal, especialmente no oeste do país, mas é assim também que nossos amigos lusitanos chamam aquilo que nós conhecemos como cavanhaque no Brasil.

2. Propina

Corrupção existe dos dois lados do Atlântico, mas a palavra propina significa coisas muito diferentes em cada país.

Em Portugal, “propina” quer dizer a mensalidade paga pelos estudantes na universidade, e nada tem a ver com pagamentos ilícitos feitos a autoridades.

Todo estudante em Portugal já ouviu falar (e muitas vezes pagou) propina | Fotos: Polícia Federal/Divulgação e Pexels
Todo estudante em Portugal já ouviu falar (e muitas vezes pagou) propina | Fotos: Polícia Federal/Divulgação e Pexels

3. Camisola

No Brasil é uma roupa feminina, mas em Portugal... | Fotos: Divulgação/Amazon e Pedro Nunes/Reuters
No Brasil é uma roupa feminina, mas em Portugal… | Fotos: Divulgação/Amazon e Pedro Nunes/Reuters

Enquanto no Brasil a camisola designa uma peça de roupa feminina usada para dormir, em Portugal trata-se, essencialmente, de uma camisa ou casaquinho de manga comprida.

4. Drogaria

No Brasil, vai-se à drogaria para comprar remédios. Em Portugal, chamam-se assim os estabelecimentos que vendem materiais de reparo e construção, como pregos, parafusos… e também produtos químicos.

Em Portugal, as drogarias vendem produtos químicos, remédios e material de construção | Fotos: Eduardo P./WikiCommons e Pexels
Em Portugal, as drogarias vendem produtos químicos, remédios e material de construção | Fotos: Eduardo P./WikiCommons e Pexels

5. Pastelaria

Em Portugal, pastelaria é um estabelecimento que vende doces, quase um equivalente à nossa confeitaria. Não por acaso, o docinho mais famoso do país de Camões é justamente o pastel de Belém.

As pastelarias de Portugal e Brasil podem até vender coisas diferentes, mas têm em comum as calorias abundantes | Fotos: Divulgação e Giuliana Miranda/Folhapress
As pastelarias de Portugal e Brasil podem até vender coisas diferentes, mas têm em comum as calorias abundantes | Fotos: Divulgação e Giuliana Miranda/Folhapress

 

O pastel brasileiro –frito e com recheios variados– é pouco comum, e costuma ser chamado de “pastel de massa tenra”, para marcar bem a diferença.

6. Cueca

Enquanto no Brasil as cuecas são as peças íntimas masculinas, em Portugal a palavra designa essencialmente a lingerie feminina.

Fotos: Divulgação

Essa é difícil não estranhar.

7. Meia

Enquanto no Brasil trocar o número 6 pela palavra “meia” é corriqueiro, isso não acontece em Portugal.

Com tantas novelas e viajantes brasileiros, os portugueses até entendem o significados, mas muitos não sabem que a expressão vem de meia dúzia. Na terra de camões, meia é só a peça de vestuário mesmo.

Em Portugal, trocar seis por meia dúzia pode dar confusão | Fotos: Pexels

 

8. Peão

Para ser peão em Portugal não é preciso nenhuma habilidade na montaria. É assim que eles chamam os pedestres.

É comum ver a sinalização de “passagem de peões” em placas e sinalizações.

É fácil ser peão em Portugal
É fácil ser peão em Portugal

9. Bica

Sinônimo de torneira no Brasil, bica significa um café expresso em Portugal. Mais precisamente na região de Lisboa e arredores.

Fotos: Pexels

10. Gêmeos

Bebês nascidos de uma mesma gestação são chamados de gêmeos nos dois países, mas, em Portugal, também é assim que se chama a nossa panturrilha.

 

Mais Ora Pois